• 31 DE MARÇO DE 2021

As perspectivas da vacina

As perspectivas da vacina

Iniciada em 17 de janeiro, a vacinação contra a Covid-19 no Brasil prossegue, mas em ritmo mais lento que o ideal, segundo especialistas. Estudo recente da Universidade Federal de Juiz de Fora apontou que seria necessário vacinar dois milhões de pessoas por dia para conter a pandemia no país até o fim do ano.

Com base no ritmo atual de vacinação e nas estimativas de entregas do Ministério da Saúde, do Butantan e da Fiocruz, a BBC Brasil fez uma estimativa de que os públicos prioritários estariam vacinados até setembro. Dessa forma, a imunização dos adultos não prioritários teria início em outubro e a população com menos de 25 anos ficaria para 2022. A própria BBC destaca, contudo, que esses cronogramas estão em constante alteração, já que as novidades relacionadas ao tema são diárias.

Notícias que dão esperança


  • No fim de março o Brasil bateu o recorde em número de vacinados em um único dia: cerca de 900 mil doses, no dia 26/03.
  • Em BH, a vacinação já chegou aos idosos abaixo de 70 anos.
  • Existem pelo menos quatro iniciativas de desenvolvimento de novas vacinas por centros de pesquisa brasileiros.
  • A Anvisa já aprovou o registro definitivo de duas vacinas (Astrazeneca e Pfizer), o uso emergencial de uma (Coronavac) e outras duas estão em análise (Janssen e Sputinik V).


Comentários


Adicionar comentário

Seu endereço de e-mail NÃO SERÁ publicado
wrapkit A ASSEMP é uma entidade sem fins lucrativos, que atua na área de prestação de serviços para funcionários municipais filiados, oferecendo um leque de benefícios aos associados e familiares.